10 Dicas para aprender uma nova tecnologia

Author: Sara Silva - Postado em: 25/11/2013
Relacionado as categorias: Diversos |  





Nos tempos atuais, aprender está cada vez mais fácil, devido ao acesso à informação em qualquer hora e qualquer lugar. Mas mesmo com o mundo ao alcance de um clique, as vezes temos dificuldades em nos engajar em aprender algo novo. Bom, nesse artigo quero propor algumas coisas que podem te ajudar a começar a aprender uma nova tecnologia.

É claro que o foco principal se aplica à área tecnológica, mas nada impede você de aplicar alguns desses conselhos em outras áreas.

1. Saindo do marasmo

Aprender algo, geralmente consiste em primeiramente querer aprender, ou seja, sair da zona de conforto. Quando você decide aprender, é preciso que você tome a atitude de começar. O mais importante é você começar e criar o hábito de, sempre que estiver em sua zona de conforte, sacudir a poeira e começar a procurar algo novo.

2. Aprenda com quem já sabe

É óbvio que o primeiro passo é saber o que você quer aprender. Uma vez feito isso, é mais simples procurar os “experts” no assunto que te interessa. Veja vídeos, siga-os no Twitter, saiba em que projetos estão envolvidos. Esses profissionais estão sempre envolvidos em coisas novas e sempre compartilhando seu conhecimento. Você também deve prestar bastante atenção em como essas pessoas conseguiram atingir o nível de conhecimento que elas tem hoje. Se elas conseguiram, você também consegue. Simples assim.

3. Comece

É estranho dizer que parar começar é preciso começar. Mas é definitivamente esse o ponto crucial. Deixe a informação fluir. Não se vista com preconceitos em relação aos guias para iniciantes disponíveis na web. Se você começar pelo começo, vai ser mais simples de chegar ao final.

4. Escute e veja

Muitos e muitos tutorias estão disponíveis na internet. Escute podcasts, veja video-aulas, sacie a sua sede por informação usando os recursos multimídia disponíveis hoje. Assim, você aprenderá de forma mais intuitiva e mais rápida também. Apenas ficar lendo, vai depender da sua interpretação do texto, além disso, canais do YouTube por exemplo, podem servir para que você comente e tire suas dúvidas. Outra alternativa é se inscrever em cursos online, você talvez deva considerar: Udemy; CodeAcademy; e CodeSchool

5. Faça

A melhor maneira de aprender é fazer.
Você já leu tutoriais, viu vídeos, escutou podcasts e já entendeu como funciona a nova tecnologia que você está disposto a aprender. E agora?
Agora comece a fazer. Não tenha medo de fazer um “irresponsible programming” (programação irresponsável). Não se preocupe com melhores práticas, documentação, testes unitários enquanto você está aprendendo uma nova tecnologia. Faça e refaça.

6. Blogue

Assim que você começar a sua jornada rumo ao conhecimento, compartilhe essas informações.

“Nenhum de nós é tão inteligente quanto todos nós juntos” - Warren Benis

Sempre que você compartilhar o que você aprendeu, estará ajudando a quem quer começar a aprender também. Além disso, nunca duvide da capacidade de uma comunidade em ajudar. Ajudando, você será ajudado, com certeza!

7. Interaja

Quanto mais você interagir com a comunidade, mais por dentro do que está acontecendo você vai estar. Se tem alguma dúvida, pergunte! Existem vários sites especializados em soluções propostas pela comunidade, sites como o StackOverflow são um caminho muito legal para seu envolvimento com a comunidade. Fique por dentro pelo Twitter, Facebook e/ou Quora. Outra alternativa é o Github, acho que existe uma infinidade de possibilidades quando se interage. Se você quer sentir como anda a tecnologia que está aprendendo, leia e intereja em sites como esses.

8. Congressos, encontros e conferências

Sim, as redes sociais são bacanas, videocasts são instrutivos, mas nada supera a interação humana. Você vai aprender sobre projetos interessantes que outros estão trabalhando, ampliar seu networking e você pode até conseguir algumas dicas para alguns problemas que você esteja enfrentando. Esses encontros e conferências são ótimos lugares para aumentar ainda mais as suas habilidades na tecnologia que você já está aprendendo.

9. Github

Um capítulo à parte sobre o aprendizado é o Github. Essa rede social de códigos é um lugar icônico para projetos open-source do mundo todo. É um tesouro de conhecimento e creatividade expressado em forma de códigos. Uma vez confortável com a nova tecnologia que você está aprendendo, seu próximo passo deve ser explorar o Github para achar projetos interessantes. Leia códigos fonte. Leia o máximo que puder. Fazendo isso, você aprenderá uma variedade de coisas como:
- Como organizar projetos grande
- Bibliotecas interessantes que os projetos estão usando
- Design patterns
- Como documentar o seu código
e muito mais…
E todo esse conhecimento por apenas um preço: curiosidade.

10. Aprendizado concentrado (na veia mesmo)

Se você se preocupa com o fato de o seu aprendizado ser muito demorado, aqui vai uma dica importante. Concentre todo seu tempo e esforço mental em aprender em menos tempo possível. Mas tenha em mente que ninguém domina nenhuma técnica ou tecnologia sem a prática diária. Você pode “Aprender X em 24 horas”, mas esse conhecimento não valerá nada se você não botar em prática tudo o que aprendeu, diariamente. Mesmo assim, vale a pena tentar entender um conceito que era totalmente desconhecido para você até 24 horas atrás.

Por último, mas não menos importante, faça seu cérebro trabalhar! Costumamos ser muito ligados à lógica e usamos muito o lado esquerdo do cérebro nas nossas atividades diárias. Trabalhe o outro lado, o cérebro tem uma maneira única de interpretar e fixar as coisas, conseguimos aprender de maneiras muito menos ortodoxas que imaginamos. Pratique algum tipo de esporte, faça origamis, meditação, música! Dê ao seu cérebro a oportunidade de se desenvolver por completo! Talvez essa seja a dica mais valiosa de todas!













Comments

Leave a Reply






Últimos posts